Coito interrompido

1O que é?

Este método consiste em evitar que o esperma entre em contacto com a vagina durante as relações sexuais. É necessário que, imediatamente antes da ejaculação, o homem retire o pénis da vagina, mantendo o sémen afastado das zonas genitais externas femininas.

22 em cada 100 mulheres tiveram uma gravidez indesejada durante o primeiro ano com a utilização típica (inclui a utilização inconsistente ou incorreta) e 4 em cada 100 mulheres com a utilização ideal (utilização de acordo as instruções de utilização) do mesmo.

2Como se utiliza?

Durante as relações sexuais, o homem retira o seu pénis da vagina e afasta-o dos genitais externos da mulher antes da ejaculação. Pode tornar-se complicado e ambos devem ser cuidadosos já que, imediatamente antes da ejaculação, se liberta uma quantidade de fluido do pénis que contém esperma.

3Será este o método adequado para si?

Pode interessar-lhe se:

  • Quiser um método que não contenha hormonas.
  • Procurar um método económico.

Tenha cuidado:

  • Não é um método fácil e requer muito autocontrolo.
  • Depende exclusivamente do homem.
  • É uma prática com alto risco de falha contracetiva.
  • Não protege contra infeções sexualmente transmissíveis (IST), incluindo o VIH/SIDA.

Referências:

  • The Society of Obstetricians and Gynaecologists of Canada. Contraception Booklet. Disponível em https://www.sexandu.ca/wp-content/uploads/2016/09/Contraception_Methods_Booklet.pdf (acedido a 19/05/2021).
  • Trussell J. Contraceptive failure in the United States. Contraception. 2011 May 1;83(5):397-404.
  • World Health Organization Department of Reproductive Health and Research (WHO/RHR) and Johns Hopkins Bloomberg School of Public Health/Center for Communication Programs (CCP), Knowledge for Health Project. Family Planning: A Global Handbook for Providers (2018 update). Baltimore and Geneva: CCP and WHO, 2018.

PT-NON-110056 07/2021